}

Por: Chico Pedrosa em 13 de outubro de 2021

Romário diz que prefere Bolsonaro a Lula e afirma que antes do presidente ‘o país estava uma merda’

Senador acredita que presidente errou em suas decisões durante a pandemia, mas vê nele alguém sério e que faz coisas boas para o Brasil

O senador e ex-jogador Romário (PL-RJ) comentou em entrevista nesta semana que o Brasil está muito melhor com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) no poder do que nos governos passados, do PT. Durante o quadro ‘Cara a Tapa’, do youtuber Rica Perrone, Romário explicou sua visão em relação ao atual governo. “Eu faço parte de um partido que hoje é Bolsonaro. E eu acho que o Bolsonaro é um presidente que fez e tem feito coisas positivas para o nosso país. Erra em alguns momentos, principalmente nesses dois anos com a pandemia deixando de ter algumas ações, falando coisas que não deveria ter falado, tomando decisões erradas, mas eu convivi com ele quatro anos, nos meus primeiros anos de deputado federal, e ele é muito sério, tem coragem, não tem medo de se posicionar … Antes do Bolsonaro nosso país estava uma merda do caralho”, disse.

Em seguida, o ex-jogador enfatizou que seu comentário seria utilizado para crucificá-lo. “Eu nunca fui em cima do muro, mas infelizmente falar de política no país hoje está chato. Eu gosto do Bolsonaro, gosto de pessoas com personalidade. A esquerda vai me dar porrada. Acabei de falar que ele errou em algumas posições, algumas colocações e a direita vai me dar porrada. Mas eu vou fazer o que? Eu preciso falar”, completou. Ao fim do programa, ao ser questionado sobre o atual e o ex-presidente, Romário afirmou preferir Bolsonaro, e que dava nota 8 para o chefe do Executivo federal. Durante a entrevista, Romário também falou sobre sua carreira futebolística, seu início na política e chegou a revelar que já teve vontade de se tornar presidente da CBF, entidade que ele sempre criticou.

Fonte: Jovem Pan