}

Por: Chico Pedrosa em 21 de novembro de 2021

Após quarentena na Escócia, Wellington Dias desembarca no Piauí e reassume governo

O governador Wellington Dias (PT) desembarcou no Piauí e reassumiu, na manhã deste domingo (21), as funções exercidas pela vice-governadora Regina Sousa (PT) durante o período em que esteve ausente. 

O petista estava em Glasgow, na Escócia, deste o dia 07 de novembro, onde representava o Piauí na COP26. No dia 11 de novembro ele testou positivo para Covid-19 ao realizar exames obrigatórios para participação no evento.
  
O petista teve que cumprir uma quarentena de 10 dias e, portanto, o retorno ao estado foi adiado para este domingo (21). 

No Piauí, Wellington Dias classificou a situação como um momento  “delicado” que foi superado e agradeceu as mensagens de apoio que recebeu enquanto esteve em isolamento.

“Graças a Deus com saúde, foi um momento delicado, mas, superamos. Fiz uma bateria de exames ainda na Escócia, que permitiu a viajar e passar na Alemanha, que tem uma série de exames e exigências, São Paulo e Teresina […]Quero agradecer o carinho de pessoas que nesse período me confortavam com carinho e orações, sei o quanto isso foi importante neste momento em que estava isolado e sempre com muita saudade”, pontuou. 

O governador também elogiou a vice-governadora e o trabalho da equipe do governo do estado que atuaram durantes os dias que passou em quarentena na Europa.

Foto: Divulgação/ Governo do estado

Regina Sousa, que atuou como governadora em exercício durante esse período, contou estar aliviada com o retorno de Wellington Dias ao Palácio de Karnak. A vice revelou ter ficado apreensiva com o quadro de saúde do governador. Ele já havia sido diagnosticado com o vírus, anteriormente, e imunizado com as duas doses de vacina contra a Covid. 

“Primeiro, estou agradecida a Deus pela saúde dele. Estava aflita e estou aliviada agora. Foi mais pesado, porque tinha uma agenda marcada antecipadamente, então, tive que casar a duas. Trabalhei bastante, mas dentro do normal, tudo que estava previsto”, relatou.
 
Durante a ausência de Wellington Dias, Regina Sousa seguiu tanto com a agenda de vice, quanto com a do chefe do Executivo. Neste período, a petista assinou o decreto que permitiu o retorno  do funcionamento do transporte alternativo intermunicipal, além da promoção de 421 policiais militares. 


Paula Sampaio
redacao@cidadeverde.com